3.4. Diálogo de degradês

Figura 15.41. A imagem ilustra o diálogo de Degradês

A imagem ilustra o diálogo de Degradês

The Gradients dialog offers a gradient palette which is used to select a gradient — a set of colors arranged in a linear scale — for use with the Gradient tool and numerous other operations. It also gives you access to several functions for manipulating gradients. You can select a gradient by clicking on it in the list: it will then be shown in the Brush/Pattern/Gradient area of the Toolbox. A few dozen nice gradients come pre-installed with GIMP. You can create more using the Gradient Editor. General information about gradients and how they are used in GIMP can be found in the Gradients section.

Os primeiros cindo degradês da lista são especiais: eles reproduzem o degradê entre as cores de frente e de fundo do GIMP de diferentes formas.

3.4.1. Ativando o diálogo

O diálogo de Degradês é um diálogo de encaixe;veja a seção Seção 2.3, “Caixas de diálogo e de encaixe” para mais informações sobre como gerenciá-lo.

Você pode acessa-lo:

  • Do menu da janela de imagens em JanelasDiálogos de encaixeDegradês.

  • Do menu de guias de qualquer diálogo de encaixe, clicando em e selecionando Adicionar abaDegradês.

  • from the Toolbox, by clicking on the current gradient in the Brush/Pattern/Gradient area (if you have checked the Show active brush, pattern and gradient option in the toolbox preferences).

  • A partir da imagem, usando o atalho de teclado Ctrl+G.

No menu de Janelas, há uma lista de janelas independentes que existe se pelo menos um diálogo estiver aberto, sem estar acopladoà janela principal do GIMP no modo de janela única.Nesse caso, se já houver um diálogo de Degradêsaberto, você pode trazê -lo para cima das outras janelas clicando diretamente em JanelasDegradês.

3.4.2. Usando o diálogo de Degradês

A operação mais básica e mais comum com o diálogo é simplesmente clicar em um dos degradês da lista para torna-lo o degradê ativo do GIMP. Ele será então usado em qualquer operação que envolva um degradê.

Se você fizer um duplo-clique em um degradê, ele será aberto no Editor de degradês, onde você poderá edita-lo. Enretanto, você só pode aletar degradês que você mesmo tenha criado, não os que vem junto com o GIMP. Se você alterar, por exemplo, o nome de um degradê na lista do editor de degradês, ele será revertido para o nome anterior quando você pressionar Enter. Essa á uma regra geral para todos os recursos que vem com o GIMP: pincéis, texturas, degradês, etc... no entanto, não tem nada de mágica – basta você criar cópias dos recursos que deseja alterar, ou mover os arquivos que vêm com o GIMP para uma pasta onde você tenha permissão de escrita.

Modo de Grade/Lista

No menu de Guia para o diálogo de Degradês, vocêpode escolher entre Ver como gradee Ver como lista. No modo de grade, os degradês aparecem em um arranjo regularde miniaturas. Eles ficam muito bonitos quando exibidos desta forma, no entanto é mais difícil escolher o que você quer devido a interferência visual entre degradês vizinhos. No modo de lista, que é o mais funcional e o modo padrão, eles são alinhados um abaixo do outro, e o nome de cada degradê é exibido.

No menu de guias, a opção de Tamanho da pré-visualização permite que você configure o tamanho das miniaturas como mais gostar.

Os botões na parte de baixo do diálogo permitem que você faça várias operações com os degradês:

Editar degradê

Este botão ativa o Editor de degradês

Novo degradê

Cria um novo degradê, inicializado como um degradê simples em tons de cinza, e ativa o Editor de degradês de forma que você possa alterá-lo. Degradês que você cria são salvos automaticamente no diálogo de Degradês e na sua pasta de degradês da área de informações pessoais do GIMP (a pasta tem o nome de gradients). De lá, eles serão automaticamente carregados quando o GIMP for iniciado. (Você pode alterar essa pasta, ou adicionar novas, usando o diálogo de Preferências)

Duplicar degradê

Isso cria uma cópia do degradê atualmente selecionado. Você poderá editar essa cópia mesmo que não possa editar o original.

Remover degradê

Esse botão remove completamente o degradê, se você tiver permissão para isso. O GIMP pede uma confirmação antes de apagar o degradê de forma permanente.

Atualizar degradês

Se você adicionar degradês à sua pasta pessoal de degradês (gradients), de outra forma que não através deste diálogo, esse botão faz com que a lista de degradês seja atualizada, de forma que novas entradas se tornem disponíveis.

As funções executadas por esses botões também podem ser acessadas pelo menu de contexto do diálogo, que é ativado com um clique do botão direito na área de degradês, ou pela opção de Menu de degradês do menu de guias da janela de encaixe.

Figura 15.42. O menu de degradês

O menu de degradês

O menu de degradês também exibe algumas funções adicionais:

Salvar como POV-Ray

Permite que você salve o degradê no formato usado pelo programa de Ray-tracing 3D POV-Ray.

Copiar localização do degradê

Este comando permite que você copie a localização do arquivo do degradê para a área de transferência. Então você pode usá-la para abrir o degradê em outro programa, como um editor de textos, ou anexá-lo a um e-mail.

Degradê personalizado...

Este comando cria uma imagem de exemplo preenchida com o degradê selecionado. Você pode determinar a largura e altura da imagem, bem como a direção do degradê na janela de diálogo que se abre. Note que áreas transparentes do degradê são preenchidas na imagem com um padrão de xadrez, como o usado pelo GIMP para indicar transparência. Nesse caso, o xadrez fica de fato pintado na imagem. Se você quiser áreas de transparência na sua imagem de exemplo, crie uma nova imagem, e desenhe o degradê com a ferramenta de Degradês.

Exportar como CSS

A linguagem CSS (Cascading Style Sheets) é usada pra formatar a exibição de arquivos HTML e XML, com atributos como cores, tamanho de fonte, e, entre outras coisas, degradês que podem ser usados como fundo de um elemento. O comando de "Exportar como CSS" é um gerador de degradês lineares de CSS3 que salva um trecho de código CSS. Esse trecho de código é um arquivo texto: você pode copiá-lo para um CSS relacionado a páginas Web que esteja fazendo, ou para obter um fundo em degradê ao abrir o HTML no seu navegador Web. Este trecho de código CSS gerado também pode ser usado em arquivos SVG.

Aqui está um exemplo de código gerado, obtido usando-se o degradê Blue Green:

Um trecho de CSS gerado usando o Exportar como CSS. 


background-image: linear-gradient(top, rgb(0,123,255) 0%, rgb(72,226,255) 56%,
     rgb(0,255,161) 100%);
background-image: -moz-linear-gradient(center top, rgb(0,123,255) 0%,rgb(72,
    226,255) 56%,rgb(0,255,
    161) 100%);
background-image: -webkit-gradient(linear, left top, left bottom,
     color-stop(0.000, rgb(0,123,255)),color-stop(0.566, rgb(72,226,255)),
    color-stop(1.000, rgb(0,255,161)));
              

3.4.2.1. Rotulando

Você pode usar rótulos (tags) para reorganizar a exibição de degradês. Veja Seção 3.6, “Rotulando”.

3.4.3. O Editor de degradês

Figura 15.43. O editor de degradês

O editor de degradês

O editor de degradês permite que você edite as cores de um degradê. Ele só pode ser usado em degradês que você tenha criado, ou em cópias dos degradês que vem com o GIMP, uma vez que aqueles são imutáveis. Ele é uma ferramenta sofisticada que pode demorar um pouco para entender. O conceito por trás do editor de degradês, é que os degradês são compostos de uma série de segmentos adjacentes, com cada segmento consistindo de uma transição suave de uma cor no canto esquerdo para uma cor no canto direito. O editor de degradês permite que você manipule qualquer número de segmentos, com quaisquer cores que quiser para os lados esquerdo e direito de cada segmento, com vária opções para a forma da transição da esquerda para a direita.

3.4.3.1. Como ativar o Editor de degradês

Você pode ativar o editor de degradês de várias formas:

  • Com um clique-duplo sobre um degradê no diálogo de degradês.

  • Do menu de contexto do diálogo de degradês, que você obtém clicando com o botão da direita sobre um degradê.

  • Clicando no botão de Editar degradê no diálogo de Degradês.

  • Do menu de Degradês, que você obtem clicando no ícone no diálogo de degradês.

3.4.3.2. Exibição
Nome

Na mesma área, você tem o botão do menu de guias (o pequeno triângulo)

A janela de pré-visualização de degradê

Abaixo do nome, você vê o resultado atual do seu trabalho.

Se você simplesmente mover o mouse nessa visualização, ele funciona um pouco como um conta-gotas para pegar cores: os valores da cor apontada são mostrados abaixo. A Posição é um número decimal que vai de 0.000 à esquerda até 1.000 no lado direito de todo o degradê. Também são mostrada as cores no formato RGB e HSV, com valores decimais (indo de 0 a 1) e a luminância (canal L do modelo HSL) e a opacidade cada ponto.

Se você clicar e arrastar na visualização, então são exibidos apenas os dados de posição e valores RGB. Mas eles são colocados como cor de Frente do GIMP na caixa de cores (e nos primeiro quadro degradês da lista, que usam essa cor de frente). Se você pressionar Ctrl ao fazer isso, a cor configurada é a cor de fundo.

Controles de seleção de faixa e seleção

Logo abaixo da visualização do degradê, você vê um conjunto de triângulos pretos e brancos alinhados, que permitem que você ajuste as posições dos pontos finais e dos pontos do meio do degradê. Um segmento é o espaço entre dois triângulos pretos consecutivos. Dentro de cada segmento há um triângulo branco, que é usado para esticar as cores no segmento, da mesma forma que o controle do meio na ferramenta de Níveis estica as cores lá. Vamos ver várias formas de criar mais segmentos, mas uma delas é simplesmente arrastar uma cor de um seletor de cores do GIMP direto para a visualização do degradê. Você pode selecionar um segmento clicando entre os dois triângulos pretos que o definem. O espaço que o delimita fica em destaque (por padrão na cor azul) na linha onde estão os triângulos. Você pode selecionar uma sequência de segmentos, usando Shift+clique. A faixa selecionada sempre consiste de um conjunto de segmentos consecutivos, então se você pular algum ao fazer shift+clique, ele será incluído automaticamente.

Você pode mover triângulos, segmentos e seleções. Se você simplesmente clicar e arrastar um triângulo, você move a transição correspondente de lugar. Se você clicar e arrastar um segmento, ou uma seleção de vários segmentos, você muda o segmento todo de lugar, comprimindo ou expandindo os segmentos adjacentes.

Barra de rolagem

Abaixo desses controles, há uma barra de rolagem. Ela só é ativada se você ampliar o fator de zoom da visualização do degradê, ou com os botões da parte de baixo, ou com Ctrl + rodinha do mouse.

Área de parâmetros

Below, a color swatch shows the color pointed by the mouse cursor. Information about this color and helpful hints or feedback messages may appear here.

Botões

Na parte de baixo do diálogo aparecem cinco botões:

Salvar

Clicar neste botão faz com que este degradê, do jeito que está agora, seja salvo na sua pasta de degradês na área de dados pessoais do GIMP, (a pasta se chama gradients), de forma que ele será carregado automaticamente da próxima vez que você iniciar o GIMP. (Ele será salvo automaticamente ao sair do GIMP, mas clicar nele força o arquivo a ser gravado imediatamente)

Reverter

Versões antigas tinham previsto um botão que revertia o degradê a partir da última versão salva em disco. Ele nunca foi implementado, já que agora o ato de salvar recursos como degradês e paletas é automático.

Diminuir visualização

Clicar neste botão diminui o fator de zoom horizontal da visualização do degradê.

Aumentar visualização

Clicar neste botão aumenta o fator de zoom horizontal da visualização do degradê.

Tamanho normal

Clicar nesse botão redimensiona o fator de zoom, de forma que o degradê caiba todo na largura da janela do editor.

3.4.3.3. O menu de contexto do editor de Degradês.

Figura 15.44. O menu de contexto do editor de Degradês

O menu de contexto do editor de Degradês

Você pode acessar o menu do editor de degradês ou clicando com o botão direito sobre um degradê na pré-visualização do degradê, ou escolhendo o item de cima no menu de guias para esta janela. O menu permite que você configure as cores das extremidades do segmento selecionado (veja as cores da esquerda e da direita para cada segmento), misture cores, selecione um modelo de cores e edite segmentos.

Os seguintes comandos existem nesse menu:

Edição de cor de uma extremidade

Tipo de cor da Esquerda/Direita

Este comando abre um submenu:

Figura 15.45. O submenu para tipo de cor da Esquerda/Direita

O submenu para tipo de cor da Esquerda/Direita

Este submenu permite que você selecione uma cor de extremidade a partir das cores configuradas como cor de Frente ou de Fundo da caixa de Ferramentas do GIMP. Ao mudar aquelas cores, essas cores mudam automaticamente dentro do degradê. Se você não quiser isso, use o tipo de cor Fixa

Cor do canto esquerdo [direito]

Essas opções permitem que você escolha uma cor para o canto respectivo usando um Editor de cores.

[Nota] Nota

Este comando é relacionado ao anterior, e se torna inativo se for selecionado qualquer valor que não seja tipo de cor Fixa para a extremidade correspondente.

Carregar cor da esquerda [direita] de

Figura 15.46. O submenu Carregar cor de

O submenu Carregar cor de

Essas opções lhe dão várias formas diferentes de atribuir cores às extremidades dos segmentos. Deste submenu, você pode escolher (assumindo que estamos lidando com o canto esquerdo):

Canto direito do vizinho a esquerda

Esta opção vai fazer a cor do final do segmento adjacente ser atribuída também ao segmento selecionado, de forma quena mudança de segmento exista uma continuidade das cores.

Canto direito

Copia a cor do canto oposto do segmento. Isso torna o segmento em uma úncia cor continua - a não ser que esteja se editando uma seleção de vários segmentos.

Cor de Frente/Fundo

Esta opção faz com que a cor de frente ou de fundo atual do GIMP, como exibida na caixa de ferramentas, seja atribuída ao canto correspondente do segmento. Selecionar a opção por aqui deixa a cor fixa no degradê: ela não será alterada quando a cor de frente/fundo do GIMP mudar.

Opções fixas RGBA

Na parte de baixo do menu existem 10 posições de memória. Você pode atribuir cores aos mesmos usando a opção Salvar do menu, descrita abaixo. Se você escolher uma dessas posições de memória, a cor da mesma será atribuída àquele canto do segmento.

Salvar cor esquerda [direita] para

Essas opões fazem com que a cor da extremidade em questão seja atribuída a uma posição de memória, escolhida de um submenu.

Clicar e arrastar cores

Você também pode arrastar e soltar uma cor da caixa de ferramentas ou de uma paleta

  • Para uma extremidade (um triângulo preto), para configurar as cores direita e esquerda do mesmo.

  • para a área de visualização do degradê, para dividir um segmento em dois e adicionar um ponto de extremidade naquele ponto, com a cor arrastada dos dois lados.

Funções de mescla e de cor para o segmento

Função de mescla para o segmento

Figura 15.47. O submenu de função de mescla (mistura de cores)

O submenu de função de mescla (mistura de cores)

Esta opção determina o modo de transição de uma extremidade para a outra do segmento (ou seleção de segmentos), fazendo valer um tipo específico de curva para os extremos e para o meio da faixa.

Linear

Opção padrão. As cores variam linearmente de um ponto da faixa até o outro. É importante notar que se você for exportar o degradê do GIMP para uso na web ou em outro lugar, esta é a única opção aceita na maior parte dos formatos de arquivo de degradê (em geral nem mesmo o ponto central dos segmentos é levado em conta, e o degradê gerado comporta-se como se ele estivesse no meio do segmento)

Curvo

O Degradê varia mais rapidamente nas pontas do segmento do que no meio.

Senoidal

O oposto do tipo curvo: o degradê varia mais rapidamente no centro do que nas pontas

Esférico (aumentando)

O Degradê varia mais rapidamente na extremidade esquerda do que do lado direito.

Esférico (diminuindo)

O Degradê varia mais rapidamente na extremidade direita do que do lado esquerdo.

Modelo de cor para o Segmento

Figura 15.48. O submenu de Modelo de cor

O submenu de Modelo de cor

Esta opção lhe dá controle adicional sobre o tipo de transição de uma extremidade para outra: como uma linha ou no espaço RGB, ou no espaço HSV.

Modificando segmentos

Espelhar segmento

Esta opção faz um espelhamento da direita para esquerda da faixa de segmentos selecionada (que pode ser um único segmento), invertendo todas as cores e localizações dos pontos de extremidade.

Replicar segmento

Esta opção divide a faixa selecionada (segmento ou seleção) em duas partes, cada uma delas sendo uma cópia exata, e comprimida, da faixa original.

Dividir o segmento ao meio

Esta opção divide cada segmento na seleção em dois segmentos, dividindo-os na posição do retângulo branco. O ponto de extremidade criado mantém a cor visível no degradê do lado esquerdo e direito.

Dividir o segmento uniformemente

Esta opção é similar a opção acima, mas divide cada segmento em vários pedaços do mesmo tamanho. (Caso sejam selecionados dois pedaços, o segmento é dividido no meio, não na posição do triângulo branco)

Remover segmento

Esta opção remove todos os segmentos na faixa selecionada, substituindo-os por um único triângulo preto no centro, e aumentando os segmentos dos dois lados para preencher o espaço vazio.

Re-centralizar o ponto médio do segmento

Esta opção move o triângulo branco de cada segmento da faixa selecionada para o ponto central entre os dois triângulos pretos. (a posição inicial do triângulo branco)

Re-distribuir pontos de manuseio na seleção

Esta opção faz com que o espaço entre todos os triângulos da faixa selecionada seja mudado para ser igual entre todos eles.

Mesclando cores

Essas opções só estão disponíveis se mais de um segmento estiver selecionado

Mesclar cores dos segmentos selecionados

Esta opção faz com que as cores dos pontos de extremidade no interior da seleção tenham suas cores igualadas à média, de forma que a transição de um segmento para outro seja sempre suave.

Mesclar opacidade dos segmentos selecionados

Esta opção faz o mesmo que a opção anterior, mas só afeta a opacidade em vez da cor.

[Cuidado] Cuidado

Não há ação de Desfazer no Editor de degradês, então, seja cuidadoso.

3.4.3.4. Exemplo de uso do Editor de degradês

Todas essas opções podem parecer muito chatas. Aqui temos um exemplo para clarear as idéias:

  1. Abra o diálogo de Degradês, clique no botão de Novo degradê. O editor de degradês é aberto e mostra um degradê indo de preto para branco.

    Figura 15.49. Novo degradê

    Novo degradê

  2. Clique com o botão da direita nesse novo degradê e escolha Dividir segmento uniformemente. Ajuste o número de segmentos se desejar.

    Figura 15.50. Degradê com três segmentos

    Degradê com três segmentos

    Todo segmento é limitado por dois controles triangulares pretos. Clique na área entre os triângulos para ativar o segmento correspondente. Ao pressionar Shift enquanto clica, você poderá selecionar segmentos contíguos.


  3. No menu de contexto que você obtém ao clicar com o botão direito no degradê, escolha a Cor do canto esquerdo e Cor do canto direito

    Figura 15.51. Primeiro segmento colorido

    Primeiro segmento colorido

    Red has been chosen for left endpoint and yellow for the right endpoint.


  4. Repita a operação para os outros segmentos. Use as funções de mescla para o segmento para ver efeitos variados.