2. Preparando suas imagens para a Web

Um dos usos mais comuns para o GIMP é preparar imagens para páginas Web. Isso significa que as imagens devem ficar tão bonitas quanto possível, ao mesmo tempo que seu tamanho de arquivo fique tão pequeno quanto possível. Este guia passo-a-passo demonstra como criar arquivos de imagens pequenos com a mínima perda de qualidade.

2.1. Imagens coma relação ótima entre tamanho e qualidade

Uma imagem otimizada para a Web depende do tipo de imagem e do tipo de arquivo. Use JPEG para fotografias, por que em geral elas tem muitas cores, vários detalhes, e poucos pontos de cores chapadas. Uma imagem com menos cores, tais como um botão, um ícone ou uma captura de tela fica melhor no formato PNG.

  1. Primeiro, abra a imagem como faz sempre. Aqui, eu abri nossa imagem de exemplo do Wilber.

    Figura 6.8. A imagem do Wilber aberta no modo RGBA

    A imagem do Wilber aberta no modo RGBA

  2. A imagem agora está no modo RGB, com um canal Alfa adicional (RGBA). Em geral não é necessário ter um canal alfa para sua imagem Web (a não ser que você queira fazer uso da transparência, combinando diferentes cores e elementos de fundo para a mesma). Você pode remover o canal alfa achatando a imagem.

    Uma fotografia raramente tem um canal alfa, então a imagem já será aberta no modo RGB, em vez de RGBA, e você não terá que remover o canal alfa.

    [Nota] Nota

    Se a imagem tiver uma transição suave para as áreas transparentes, você não deve remover o canal alfa, uma vez que a informação usada para a transição não será salva no arquivo. Para imagens que não tem áreas de transição, mas mesmo assim tem transparência (como em imagens GIF) você pode remover o canal alfa.

  3. Depois de ter achatado a imagem, exporte-a no formato PNG para sua página Web.

[Nota] Nota

Você pode exportar sua imagem para o formato PNG com as configurações padrão. Sempre use a compressão máxima ao criar a imagem. A compressão máxima não tem efeito na qualidade da imagem, ou no tempo que ela leva para abrir, mas ela leva um pouco mais de tempo para ser exportada. Uma imagem do tipo JPEG, no entanto, tem a qualidade diminuída a medida que você aumenta o fator de compressão. Se sua imagem é uma fotografia com muitas cores, você deve usar o formato JPEG. O mais importante é achar a melhor relação entre qualidade e tamanho do arquivo. Você pode encontrar mais informações a esse respeito em Seção 1.2.3, “Exportar imagem como JPEG”.